sexta-feira, 3 de maio de 2013

Instale o JAVA 7 update 21 no Fedora 18

Primeiro baixe a versão mais atual do Java:
http://www.java.com/en/download/linux_manual.jsp?locale=en

Mande instalar (dois cliques sobre o arquivo RPM). Se preferir faça via terminal:
su
rpm -ivh
rpm -ivh /home/usuario/Downloads/jre-7u21-linux-i586.rpm


Depois abra um terminal, torne-se root..
su
Agora se você já tinha o Java instalado (versão anterior ao update 21) remova o link simbólico criado anteriormente:
cd /usr/lib/mozilla/plugins
rm libnpjp2.so


Crie novamente um link simbólico para a instalação recém realizada:
cd /usr/lib/mozilla/plugins
ln -s /usr/java/jre1.7.0_21/lib/i386/libnpjp2.so


Não preciso dizer mais nada, prints falam mais do que palavras:



sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Jogando Frets On Fire no Fedora 18!

Já há algum tempo eu estava para publicar um tutorial completo sobre como instalar e jogar o Frets On Fire ("clone" do Guitar Hero) no Fedora. Pois bem, se você está interessado nesse artigo, visite o site da Revista Espírito Livre, onde está o meu artigo, e confira o tutorial completo:


Saludos!
Twitter: @renatobluesboy

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Sobre o Fedora 18


A notícia não é nova: já está disponível, para download gratuito, a nova versão do Fedora Linux, "Spherical Cow". Você encontrará o link para download na lateral direita deste blog.
Tudo o que você espera de uma edição do Fedora, você encontrará: rapidez, estabilidade, funcionalidade e um visual interessante. 
O que pretendo aqui é dar algumas dicas, mas de forma alguma tenho a pretensão de fazer um "guia de pós instalação do Fedora 18". Eis as dicas.

Instalar codecs (faça tudo no terminal, logado como 'root'):

yum install -y gstreamer gstreamer-plugins-base gstreamer-plugins-bad gstreamer-plugins-bad-free gstreamer-plugins-bad-free-extras gstreamer-plugins-bad-nonfree gstreamer-plugins-base gstreamer-plugins-good gstreamer-plugins-ugly gstreamer-ffmpeg libmad libmatroska lsdvd xine-lib-extras xine-lib-extras-nonfree xine-lib-pulseaudio xine-lib-extras-freeworld faad2 faac libdca compat-libstdc++-33 compat-libstdc++-296

Instale também o VLC:
yum install vlc

Mais alguns plugins e codecs:
yum -y install gstreamer-plugins-bad gstreamer-plugins-ugly gstreamer-ffmpeg gstreamer1-plugins-bad-freeworld gstreamer1-plugins-ugly gstreamer1-libav

Instale o K3B:
yum install k3b
yum install k3b-extras-freeworld


Alguns sites possuem informações interessantes também.
Repositório Livna: rpm -ivh http://rpm.livna.org/livna-release.rpm

Instale o flash:
http://www.if-not-true-then-false.com/2010/install-adobe-flash-player-10-on-fedora-centos-red-hat-rhel/

Google Earth:
http://www.howtoforge.com/the-perfect-desktop-fedora-14-i686-gnome-p5


Tem muita coisa que faço após instalar o Fedora, como disse, não pretendo aqui ser um guia completo. Em um post anterior (http://freelinux-br.blogspot.com.br/2012/08/por-que-utilizar-o-fedora-linux.html) deste blog há procedimentos que funcionam perfeitamente no Fedora 18.

Enjoy!

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Configurando o VirtualBox no Fedora Linux

Por que utilizar o VirtualBox?

Se você utiliza o Linux com frequência ou mesmo como seu sistema principal, provavelmente já passou por alguma situação de ter que abrir algum programa que ainda não esteja disponível na sua plataforma (algum executável do Windows por exemplo) ou mesmo testar um sistema operacional sem comprometer o seu disco rígido. O VirtualBox, assim como o Virtual PC da Microsoft, é capaz de rodar um sistema operacional "dentro de outro sistema". Sendo assim, se você usa Linux, você pode rodar, em uma janela do VirtualBox, o Microsoft Windows 7, por exemplo.

Para você ter uma ideia do quanto isso pode ser útil, vou citar o exemplo do meu scanner Visioneer 4800. Este scanner não possui drivers para Linux (nenhuma versão, nem DEB, nem RPM, nada). Visitando muitos fóruns de usuários pude ler frases do tipo "compre outro scanner", "scanner obsoleto" e afins. Mas eu possuo este scanner, ele está em funcionamento e possui os drivers para Windows XP. Como você pode imaginar, não quero configurar uma partição para o Microsoft Windows XP no meu HD, sendo assim, utilizei o VirtualBox plugando o Scanner na porta USB e adicionando os drivers dentro da máquina virtual. Compartilhei uma pasta do VirtualBox com a máquina física (Linux) e voilá! Scanner funcionando. 




AVISO: este procedimento menciona software proprietário (Microsoft Windows, Visioneer).
 



Requisitos mínimos
Presumo que você já tenha instalado o Fedora no seu equipamento (desktop, notebook). Você já habilitou os repositórios corretamente? Se não o fez, recomendo a leitura do seguinte link: http://rpmfusion.org/Configuration/
Para a utilização de uma máquina virtual recomenda-se no mínimo 2GB de memória RAM. 3GB é razoável e 4GB ou mais é o ideal, especialmente se você deseja fazer testes de rede com mais de uma máquina virtual ligada.
Uma vez que a distro que utilizo é o Fedora, irei abordar o uso do YUM e suas peculiaridades. Para ter uma boa instalação do VirtualBox no Fedora é necessário rodar os seguintes comandos via Terminal (como ROOT):

yum install binutils gcc make patch libgomp glibc-headers glibc-devel kernel-headers kernel-devel dkms


yum install binutils gcc make patch libgomp glibc-headers glibc-devel kernel-headers kernel-PAE-devel dkms


Acesse www.virtualbox.org e faça o download da última versão, proceda com a instalação do RPM.
Após isso, volte ao terminal e digite:
cd /etc/init.d/vboxdrv setup
OU:
service vboxdrv setup


Para habilitar o recurso USB (especialmente usb 2.0) no Virtualbox é necessário abrir o terminal, logar como root (su) e digitar o seguinte:


usermod -a -G vboxusers usuario


(substitua o "usuário" pelo seu login).

Para que tenhamos um bom desempenho nesta máquina virtual (para abrir as janelas e rodar os comandos necessários com um mínimo de qualidade) devemos instalar o Oracle VM VirtualBox Extension Pack. Para tanto, acesse a página www.virtualbox.org e baixe o arquivo. Para instalá-lo é só dar duplo-clique.

Algumas considerações interessantes
Se você tem um equipamento "obsoleto" que só roda numa versão antiga de um sistema operacional, não o jogue na lixeira! Utilize o VirtualBox. Se você tem um equipamento antigo, com pouca memória RAM, escolha uma distro Linux como o Damn Small Linux e instale nele. O DSL pede 24MB de memória RAM e 50MB de espaço em disco. Aquele seu 486 pode ser ressuscitado e virar um baita print server não é? :-)

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Screensavers legais

Alguns screensavers bem legais (que não vem por padrão no Fedora) podem ser instalados via terminal:

yum -y install xscreensaver xscreensaver-extras xscreensavers-extras-base screensavers-extras-gss xscreensaver-gl-base rss-glx-xscreensaver qstars-xscreensaver tempest-xscreensaver

Abraços,
Twitter: @renatobluesboy

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

New banner


Olá leitores! Após altos e baixos e incertezas sobre o futuro deste blog, que tal um banner novo?
As figuras, na ordem em que aparecem no banner, são: 
1) o computador ENIAC;
2) a calculadora pré-histórica Ábaco;
3) A teoria da evolução, em "negativo" (obviamente não concordo com ela, mas sim na descendência dos hominídeos, mas isto é história para outro post);
4) "V", do filme/hq "V for Vendetta". Máscara muito utilizada por grupos hackers.
5 e 6) Figuras aleatórias que tirei do google e que não couberam bem no banner :-)
7) A capa do "Abbey Road" dos Beatles;
8) Minúscula foto de um famoso clube de futebol!
Espero que gostem e xinguem se não gostarem!
Twitter: @renatobluesboy
...
English Version

Hello readers! After ups and downs and uncertainties about the future of this blog, how about a new banner?
Here are the pictures, in order of appearance at the banner:
1) the ENIAC computer;
2) the prehistoric calculator named "Abacus";
3) The theory of evolution in "negative" (obviously I do not agree with it entirely, but I believe in the offspring of hominids - well that is a story for another post);
4) "V", from the film / hq "V for Vendetta". Skin often used by hackers groups.
5 and 6) Figures taken randomly from google - they did not fit well in the banner :-)
7) The cover of "Abbey Road" by the Beatles;
8) Tiny photo of a famous football club!
I Hope you like it!
Twitter: @ renatobluesboy

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

JAVA no Fedora 17 - Java(TM) Plug-in 1.7.0_09


Olha eu dando dicas de JAVA novamente. Nada de mais, só um tuto sobre como instalar o JAVA no Fedora 17 para poder abrir, por exemplo, seu home banking.
Baixe o java para FEDORA:
http://www.java.com/pt_BR/download/linux_manual.jsp?locale=pt_BR
Depois de instalado (dois cliques no arquivo, mande instalar), digite o seguinte no terminal (como root, su-):
cd /usr/lib/mozilla/plugins
e depois:
ln -s /usr/java/jre1.7.0_09/lib/i386/libnpjp2.so
Testa se funcionou: reinicia o Firefox e digita "about:blugins". Tem que aparecer: Java(TM) Plug-in 1.7.0_09

Feito, instalação concluída. Abraços

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Procon divulga lista negra do e-commerce

Recomendo a leitura deste link:
http://www.procon.sp.gov.br/pdf/acs_sitenaorecomendados.pdf
O Procon de SP recebeu reclamações destes sites por irregularidades na prática de comércio eletrônico. Nesta época em que costumamos presentear e fazer compras pela Internet, é sempre bom consultá-la.
Fonte da notícia:
http://blogs.estadao.com.br/link/procon-divulga-lista-negra-do-e-commerce/

Abraço e fiquem com Deus,
Twitter: @renatobluesboy

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Leitura de notícias

Olha só que GRANDE sacada do nosso amigo LUNGA.
http://www.mundolunga.com/2012/11/burlando-leitura-noticias-clicrbs-zero.html

Forte abraço, fiquem com Deus.
Twitter: @renatobluesboy

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Quais serão os frutos da geração Y? E da geração Z?


Quanto ao avanço exponencial da tecnologia nos últimos anos e no que se refere aos profissionais de informática, faço minhas as palavras de um sábio professor que conheci: "nós, da informática, adormecemos como gênios e acordamos como burros". É a mais pura verdade. A cada segundo que passa, em algum lugar do planeta, uma nova tecnologia está surgindo. Tudo está cercado pela tecnologia. O que há quinze anos era supérfluo ou era considerado artigo de luxo (por exemplo, o telefone celular e a Internet) hoje é indispensável. 

Queiramos ou não, a forma que nos relacionamos mudou drasticamente em pouquíssimos anos. Mandamos "feliz aniversário" pelo Facebook e fazemos propostas de casamento pelo Skype. Nossa maneira de comprar também mudou: pedimos nossos remédios on-line e recebemos minutos depois, em nossas casas - pagando, aliás, com o cartão do banco. Toda esta tecnologia gera muito consumo e consequentemente muito desperdício. 

Faço parte da chamada "Geração Y" que, segundo estudos sociais recentes, refere-se aos nascidos entre meados da década de 1970 até 1980 ou 90. Vi grandes computadores de cor bege se transformarem em minúsculos dispositivos que possuem um poder de processamento dezenas de vezes maior e que podem ser carregados numa mochila, quando não no bolso. Meu filho de 4 anos hoje joga com o iPhone sem que nem eu e nem a minha esposa o tenhamos passado qualquer instrução. Dentro deste cenário, o que estou deixando para o meu filho? E a geração "Z", que está suscedendo a minha, quais frutos deixará? 

Não me refiro somente à tecnologia mas sim (e principalmente) ao conhecimento. Todo este conhecimento (que hoje está essencialmente na Internet, primeira fonte de pesquisa de muitos acadêmicos) estará acessível daqui a 20 anos? Nossas fotos de aniversário poderão ser visualizadas? Como se relacionarão os jovens da era pós-Internet? Porque até o termo "Internet" sumirá e dará lugar a algum outro, sem que percebamos. Não sabemos se o seu nome será "cloud" ou "nuvem", mas certamente será a evolução da Internet que conhecemos hoje - alguns já a chamam de "Internet das coisas". Este conhecimento que hoje é transmitido na velocidade da luz é sabidamente superficial, como será então daqui a cinco ou dez anos?

Comente... 
Abraços, 
Twitter: @renatobluesboy

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Você confia na "nuvem"? e a teoria de Einsten...

Sim, o Google também "sai do ar"! Ele também perde dados de usuários, coleta informações quando você está logado sem que você saiba. Quero dizer que gosto do Google. Seria muito hipócrita da minha parte dizer o contrário, uma vez que meu email, meu blog e outros tantos serviços que utilizam são do Google. O que quero hoje é fazer você pensar: você confia na "nuvem"? Coloca dados importantes nela? 
    Saiba que a qualquer momento, ao contrário do que ouvi em uma palestra sobre tecnologia e computação em nuvem, seus dados que lá estão armazenados podem tornar-se indisponíveis ou simplesmente sumirem. O Google está apresentando cada vez mais erros como do print que eu mesmo tirei (ao lado). Também não colocaria dados importantes no Skydrive. Você, leitor, que já está compreendendo onde eu quero chegar: continue guardando dados importantes nos seus discos rígidos e, se for muito importante, grave, imprima. Um exemplo muito interessante é a sua declaração de imposto de renda, por exemplo.
   Uma foto bem armazenada pode durar cem anos. Será que, daqui a cem anos, você conseguirá ler arquivos no formato jpg?

    Distancie-se, sempre que possível, do computador. Aproveite para ler um bom livro, aquele de papel, com "cheiro" da livraria. 

    Einsten teria dito: "Temo o dia em que a tecnologia se sobreponha à nossa humanidade. O mundo só terá uma geração de IDIOTAS." 

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Solving the No interfaces problem with Wireshark in Ubuntu 12.04

Uma dica para Ubuntu, se o seu Wireshark não está reconhecendo as interfaces de rede.
Rode estes comandos no terminal:

sudo addgroup -quiet -system wireshark
sudo chown root:wireshark /usr/bin/dumpcap
sudo setcap cap_net_raw,cap_net_admin=eip /usr/bin/dumpcap

Em seguida rode o comando a seguir substituindo "YOUR_USER..." pelo seu login do Ubuntu:

sudo usermod -a -G wireshark YOUR_USER_NAME

Depois disto você verá que o Wireshark está funcionando normalmente, e com as interfaces disponíveis.

Crédito:
http://stream-recorder.com/forum/solving-no-interfaces-problem-wireshark-ubuntu-10-t8742.html?s=aa9c3740de260798b33e2a670d0fa43d&

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Install the latest Java update for Fedora Linux (Version 7 Update 7)


Since Java was updated, thought appropriate to publish a tip on how to update it in Fedora.

1) First download the file, click here
2) Double click to install the RPM file, provide the password.
3) Open a terminal and log in as root and type: cd /usr/lib/mozilla/plugins
4) After that, type: ln -s /usr/java/jre1.7.0_07/lib/i386/libnpjp2.so
(with each update of JAVA, this value - jre1.7.0_07 - change).

If you get error message (file exists), navigate to /usr/lib/mozilla/plugins and remove the file libnpjp2.so (rm libnpjp2.so at the terminal). Repeat step 4.

Restart Firefox.

To verify that the plugin has been installed correctly, open Firefox and type "about:plugins" (without the quotes). The JAVA plugin should appear there.
Or click here and make sure it was installed correctly (you should see a page with "congratulations").

God bless us all!
Twitter: @renatobluesboy

Portuguese version:

Como o Java foi atualizado, achei conveniente publicar uma dica sobre como atualizá-lo no Fedora.

1)Primeiro baixe o arquivo, clique aqui
2)Mande instalar dando dois cliques em cima do arquivo RPM, forneça a senha.
3)Abra um terminal, logue como root e digite: cd /usr/lib/mozilla/plugins
4)Após isso, digite: ln -s /usr/java/jre1.7.0_07/lib/i386/libnpjp2.so 
(a cada atualização do JAVA, este valor - jre1.7.0_07 - mudará).

Se aparecer mensagem de erro (arquivo existe), navegue até /usr/lib/mozilla/plugins e remova o arquivo libnpjp2.so (rm libnpjp2.so no terminal). Repita o passo 4. 

Reinicie o Firefox.

Para verificar se o plugin foi corretamente instalado, abra o Firefox e digite: "about:plugins" (sem as aspas). O plugin do JAVA deve aparecer ali.
Ou clique aqui e verifique se foi instalado corretamente (deverá aparecer uma página com "parabéns").

Fiquem com Deus,
twitter @renatobluesboy

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Por que utilizar o Fedora Linux?


Olá pessoal, neste artigo pretendo falar um pouco sobre a minha escolha pelo Fedora Linux. Acho que, enumerando os tópicos, serei mais objetivo e direto.
1) Por que utilizar o Fedora Linux?
Hoje temos várias distribuições Linux disponíveis, sendo a mais popular o Ubuntu. Eu o utilizei por um longo período e considerava ser um sistema Linux leve e estável, até conhecer... o Fedora. Foi uma mudança da água para o vinho.
2) O Fedora é estável?
Sim. Mas é importante lembrar que não basta instalar o Fedora, você tem que atualizá-lo para obter as últimas correções e melhorar a segurança. 
3) É fácil instalar programas no Fedora?
Sim. É interessante, contudo, você tornar-se amigo do Terminal. No final do artigo há links que indicam como escolher os melhores repositórios e instalá-los. Normalmente você instala um programa da seguinte forma: abre um terminal, digita su, depois yum install nome_do_software. Você pode, também, baixar um pacote RPM e dar dois cliques para instalá-lo, o que é bastante simples. Se você baixar um pacote *.src.rpm, basta abrir um terminal, logar como root, e digitar rpm -ivh pacote.src.rpm (primeiro navegue até a pasta onde o software está).
4) Você precisa utilizar programas e jogos do Windows no Fedora. Isso é possível?
Sim! Abrindo um terminal, logando como root e instalando o Wine (yum install wine). Depois disso basta clicar com o botão direito sobre qualquer executável do Windows e com o botão esquerdo em "abrir com carregador de aplicativos Windows Wine". Você pode instalar o Office, divertir-se com Angry Birds ou Counter Strike, entre muitos outros. Mas lembre-se que já existem jogos nativos muito interessantes para Linux (Alien Arena, Frets On Fire, etc).
5) Posso comunicar-me via Skype, com suporte a Webcam?
SIM! Para baixar o Skype para Fedora clique aqui:
http://www.skype.com/intl/en-us/get-skype/on-your-computer/linux/downloading.fedora
Instale o arquivo rpm dando dois cliques e fornecendo a senha. Depois disso, você precisará editar o atalho do Skype para que seja possível o suporte a webcam. Sugiro que você siga a seguinte sequência, que começa no terminal: 
a) abra o terminal e digite su;
b) depois de colocar a senha digite nautilus;
c) na tela que abrirá navegue até /usr/share/applications (você pode digitar "ctrl + L" se quiser colar isso na barra de endereços e chegar até este caminho com mais facilidade). Ali procure pelo aplicativo (atalho) do Skype, clique com o botão direito sobre ele, e com o esquerdo em "propriedades". Na linha de comando, digite:
-Se for Fedora 32 bits: env LD_PRELOAD=/usr/lib/libv4l/v4l1compat.so skype
-Se for Fedora 64 bits: env LD_PRELOAD=/usr/lib32/libv4l/v4l1compat.so skype
Entre no Skype e verá que o suporte a webcam está funcionando perfeitamente. Existe um software nativo para gerenciar a imagem da sua webcam, que já vem instalado com o Fedora (Cheese).
6) O Fedora é amigo da virtualização?
SIM. Você pode ir no site www.virtualbox.org e baixar o rpm. Rode máquinas com outras versões Linux e também o Windows. 
7) É possível comunicar-se a uma rede Microsoft Windows?
Sim, você precisa instalar o Samba (yum install system-config-samba). Será criado um ícone do Samba nos aplicativos, acesse-o e configure, tem bastante documentação na web sobre como integrar redes Windows/Linux.
8) O Fedora possui suporte a Java?
Sim, visite www.java.com e baixe a versão rpm. Mande instalar. Mais instruções estão aqui.

Você pode me questionar se existe "não" para alguma questão. Obviamente existe! Devemos lembrar que Linux não é Windows e que nem todos os softwares / linguagens são comparáveis/compatíveis. O Fedora é para todos? Não. Quem não tem gosto por pesquisa e não quer inovar, optando por "clique e instale" somente, vai estranhar o Fedora. Mas depois de ver tudo funcionando (rápida e estavelmente) você terá nas mãos uma ótima distro.
Finalizo este artigo informando que o Freelinux-BR manterá suas dicas antigas sobre Ubuntu, mas com o tempo elas irão tornar-se desatualizadas ao natural, visto que surgirão novas configurações e versões. Estou colaborando com o Planeta Fedora, cujo link também está no final do artigo, e considero a comunidade tão ou mais acessível quanto outras comunidades Linux das quais já fiz parte. 

Forte abraço! Fiquem com Deus.
Twitter: @renatobluesboy


Saiba mais sobre o projeto:
http://fedoraproject.org/pt_BR/about-fedora
Download do Fedora:
http://fedoraproject.org/pt_BR/get-fedora
Repositórios RPM Fusion: 
http://rpmfusion.org/Configuration/
Planeta Fedora:
http://planet.fedoraproject.org
Atualizando o Fedora:
http://freelinux-br.blogspot.com.br/2012/07/atualizando-o-fedora-com-o-preupgrade.html

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

"Gato" de Internet dá multa de até R$ 10.000

A internet banda larga vem ficando cada vez mais acessível com o aumento da concorrência entre provedores – a partir de R$ 30 mensais, já é possível contratar o serviço. Mesmo com o barateamento, há casos de assinantes que acabam dividindo o sinal com o vizinho para receber uma ajuda de custo no pagamento do plano. No entanto, essa prática, que é ilegal, pode fazer o assinante pagar uma multa de até R$ 10 mil. Leia toda a matéria clicando aqui.

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Vídeo do mês - The Who - Baba O'Riley

Uma vez por mês eu coloco um vídeo para curtir junto com vocês. Neste mês: The Who!



Para baixar vídeos no Linux: http://freelinux-br.blogspot.com.br/2011/06/instalando-o-easy-youtube-video.html
Se não conseguir ver o vídeo no blog ou em algum feed: clique aqui >> http://www.youtube.com/watch?v=1ZerKlpIk9A&feature=related
...
    Fiquei de dar uma resenha sobre o Fórum Internacional de Software Livre que foi realizado na PUC/RS, do qual participei, pegando algumas palestras. E como consumidor do evento (porque, embora estudante, paguei uma taxa de inscrição), tenho o direito de publicar alguns pontos positivos e negativos.
-Pontos positivos: é o maior evento de software livre e um dos poucos que ocorre por estas bandas; grande parte do evento era gratuita; a exposição de experimentos de robótica foi interessante e houve oficinas interessantes também, bem como algumas palestras. 
-Pontos negativos: alguns palestrantes não estão preparados para este tipo de evento ou simplesmente o assunto das suas palestras não é interessante o suficiente para envolver o público, por mais específico que seja. Em uma das palestras, a qual obviamente não citarei nome do palestrante e nem assunto, o público (que contava com umas três pessoas num auditório em que cabiam umas trezentas), fui obrigado a me retirar porque estava realmente um porre. O Wireless do evento era uma vergonha, faltava lugares para sentar com o notebook e a distribuição de adesivos/brindes foi... bem, não foi. Apenas a banca do Ubuntu distribuiu uma quantidade razoável de CD's e adesivos. 
    Sim, sei que você não vai a este tipo de evento para colher brindes e adesivos, mas vale lembrar que no mercado "comum" de informática você não encontra camisetas, adesivos e mídias de distros Linux. E todos gostariam de divulgar, visualmente, o software livre e seus conceitos, correto?
    Em comparação entre o FISL e o FLISOL, evento de porte muito menor, dou maior crédito ao segundo, muito mais bem organizado, gratuito, e com palestras que vão direto ao ponto para quem busca conhecimento. Aliás, a frase do post: precisamos MENOS política e ideologia e mais CONHECIMENTO.